Diferenças Entre o Câmbio Automático e Automatizado

Diferenças Entre o Câmbio Automático e Automatizado

Diferenças Entre o Câmbio Automático e Automatizado 2

Diferenças Entre o Câmbio Automático e Automatizado 3

A indústria automotiva trabalha para evoluir a tecnologia presente nos seus veículos, oferecendo novidades e sempre melhorando o desempenho das máquinas. Hoje, um dos focos das empresas é o câmbio, o sistema de troca das marchas. O velho câmbio manual está perdendo espaço para dois sistemas que estão caindo no gosto dos consumidores: o câmbio automático e o automatizado. Mas, qual é a diferença entre os dois?

Para uma parcela dos motoristas, são o mesmo sistema, afinal ambos não têm o pedal da embreagem. Mas se engana quem pensa assim, pois eles não são iguais. Neste texto iremos apresentar para você as diferenças entre o câmbio automático e o automatizado.

As principais diferenças entre os sistemas, são seus componentes e como eles funcionam.
Analisando os carros automáticos, as trocas das marchas funcionam através de conversores de torque, com engrenagens acionadas por dispositivos hidráulicos. Dessa forma, o câmbio funciona sem o motorista intervir acionando a embreagem.

VEJA TAMBÉM:  Combustível Batizado: Danos Silenciosos e Muito Caros

Já os carros com câmbio automatizado, necessitam do acionamento da embreagem para a troca de marchas. Sim, eles possuem a embreagem porém não é acionado por pedal, e sim um “robô” que controla tudo, inclusive as trocas. Basicamente, é um câmbio manual acionado por esse “robô”. No automatizado, existe o câmbio com uma engrenagem e com duas, mas essa diferença está ligada ao “tranco” que o carro faz na hora de trocar as marchas.

A outra diferença está relacionada ao conforto na troca das marchas. Como no câmbio automático as trocas são mediadas por esses conversores de torque, que comanda as engrenagens, dificilmente você sentirá os solavancos que o veículo faria.

VEJA TAMBÉM:  5 Melhores Aplicativos Para Ajudar no Trânsito

Com o automatizado de uma engrenagem, você pode sentir mais, pois o tempo de troca de cada marcha é maior. Já com o de duas engrenagens, o tempo de troca diminui e consequentemente os solavancos também, pois ele deixa as marchas pré-engatadas.

E qual câmbio faz o carro beber mais?
O sistema automático utiliza a energia do motor para realizar as trocas, fazendo o coração do carro trabalhar mais e consequentemente, consumir mais combustível. O automatizado não, já que seu funcionamento é semelhante ao câmbio manual e não rouba energia do motor, interferindo menos no consumo.

Fonte: DoutorMultas

Eduardo Angelo

Por Eduardo Angelo

3 min
Autor